Follow:
Livros & Textos

Amizades não dependem de ocasiões

amizades-nao-dependem-de-ocasioes-cenasdumaraparigacomplicadaDesde que me conheço por gente ouço aquelas frases que já toda a gente conhece e que vocês estão fartos de ouvir de “os amigos verdadeiros serem aqueles que nos chamam à razão e não os que andam sempre com falinhas mansas”. Bem como “são aqueles que estão presentes não só nos bons momentos, como também nos maus”.

Sempre acreditei que as amizades eram fáceis de se classificar. Mas nem todas. Temos a que realmente são verdadeiras, temos as falsas e temos aquelas que não sendo falsas, também não são tão verdadeiras assim. E o que fazer com essas? As falsas cortam-se, as verdadeiras mantém-se. E as outras? Claro está que, se as coisas já não estavam fáceis até aqui, ainda se adiciona o facto de gostarmos dessas pessoas.

Como uma pessoa sonhadora que sou, sempre acreditei que sabia identificar essas pessoas e, por isso, que estava rodeada de pessoas que gostavam de mim e me queriam bem, mas, principalmente, que se preocupavam comigo… Pobre de mim, bem que morria e as pessoas nem desconfiavam.

Tive uma situação “recentemente” que serviu-me bem para ver aqueles não tão awesome sauce friends.

Fui operada e, por essa razão, passei uma semana em casa, sem ir a lado algum. E sabem quem é que me mandou mensagem interessado em saber se eu estava bem? As pessoas que eu menos esperava, aquelas que eu não conheço há tanto tempo assim e com quem nem convivo diariamente. Claro que houve excepções.

Sabem como é que os meus verdadeiros amigos souberam se eu estava bem ou não? Quando eu voltei para a minha rotina diária, mais de uma semana depois da operação e me perguntaram, quando me encontraram, como é que eu estava (isto aqueles que sequer perguntaram).

Amigos, já vieram tarde…

Sabem o mais engraçado de tudo? É que esses amigos nem se vão dar ao trabalho de ler isto.

— Catarina Gomes

Para estarem sempre a par das novidades, podem seguir-me pelo Facebook, Instagram, Twitter, Snapchat (catarinagomes77) ou mesmo Google+

Comentários
Previous Post Next Post

♥ Vejam também ♥

4 Comments

  • Reply Apolo Gabriel

    Super entendo isso, sabe? Eu também passei por isso esses dias e aprendi que por mais legal que a pessoa seja, nem sempre ela será a sua AMIGA. Espero que isso não aconteça nunca mais. Você está melhor da cirurgia?

    13 Janeiro, 2016 at 3:43
    • Catarina
      Reply Catarina

      Pois é, eu agora também aprendi a lidar um pouco com isso. E espero conseguir saber ver sempre essas situações daqui para a frente, é o que todos queremos, né?
      Estou sim, apenas dói quando me sento, mas raramente, só se tiver muito tempo sentada ou numa posição desconfortável. E obrigada pela preocupação ^^

      14 Janeiro, 2016 at 23:02
  • Reply Brenda C.

    É complicado ter amizades assim :s Ainda há algum tempo escrevi um texto sobre amizades no meu blog (“As falsas amizades são como telhas quebradas”). Mas ultimamente tenho visto que alguns amigos só ficam comigo nos maus momentos, quando sabem que preciso de uma palavra amiga… Inédito não é? Amigos não são só para os momentos “extremos”, não só para os maus, não só para os bons, mas sim para todos eles. E com essas amizades de extremos acabo por concluir que é cada vez mais fácil aconselhar no momento mau, ver-nos na lama, mas é difícil suportar o nosso sucesso e momentos de felicidade… :s

    Já agora, indiquei-te na tag “De tudo um pouco”. Se quiseres responder: http://suspirosdocoracao.blogspot.pt/2016/01/tag-de-tudo-um-pouco.html

    Beijinhos, Brenda

    9 Janeiro, 2016 at 21:17
    • Catarina
      Reply Catarina

      É verdade! “mas é difícil suportar o nosso sucesso e momentos de felicidade…” nem sequer tinha pensado neste ponto. Há quem só esteja para os lados bons, mas também há quem só esteja para os lados maus de forma a sentir-se melhor consigo mesmo. Acho que nesses casos ainda é pior, não? Sao situações complicadas, com as quais ainda não sei lidar bem…

      Irei responder sim! (:
      Beijinhos ^-^

      11 Janeiro, 2016 at 2:52

    Leave a Reply